Euro F3 Open: Victor Corrêa termina em 7º na Catalunha

|European F3 Open: Victor Corrêa|

A penúltima prova do European F3 Open foi definida praticamente na largada. O suíço Zoel Amberg largou melhor e da segunda posição assumiu a liderança para vencer de ponta a ponta, na prova disputada neste sábado (29/10) em Barcelona, na Espanha.

Em segundo terminou o italiano David Fumanelli, a 1s680 depois de 15 voltas. O brasileiro Victor Corrêa chegou em sétimo.

“Infelizmente o meu engenheiro errou feio no acerto para a corrida. Estava difícil guiar. Agora vamos trabalhar no set up do carro para melhorar amanhã. Quero terminar o campeonato no pódio”, comentou o mineiro de Alfenas, que está em sexto no certame europeu com 60 pontos. Ao somar 121 pontos com o quarto lugar, o suíço Alex Fontana garantiu o título com uma prova de antecipação.

Depois de ter enfrentado problema na classificação – os mecânicos esqueceram uma peça dentro do cockpit que enroscava nas pedaleiras -, Victor Corrêa acreditava que mesmo largando em oitavo, poderia ir brigar lá na frente, já que iria correr com os pneus novos que não chegou a usar no treino classificatório.

“O engenheiro resolveu diminuir o ângulo do aerofólio para que eu ganhasse velocidade na reta e ajudasse em ultrapassagens. Além disto, ele endureceu a suspensão traseira porque o meu carro saia um pouco de frente. Só que a condição do asfalto mudou e o carro piorou muito”, comentou o piloto.

“Mesmo ganhando duas posições na largada, houve uma confusão na primeira curva e acabei sendo ultrapassado. Depois tentei levar o carro até o final da corrida, pois nas curvas que eu deveria fazer de pé embaixo ele estava saindo muito de traseira. Ficou muito difícil de guiar”, explicou o brasileiro que já venceu na França e na Inglaterra nesta temporada.

O resultado da penúltima etapa da temporada ficou assim:
1) Zoel Amberg (Suíça), 15 voltas em 26min31s926 (150,632 km/h);
2) David Fumanelli (Itália), a 1s680;
3) Matteo Beretta (Itália), a 15s678;
4) Alex Fontana (Suíça), a 16s103;
5) Niccolo Schiro (Itália), a 16s746;
6) Noel Jammal (Líbano), a 21s067;
7) Victor Corrêa (Brasil), a 23s255;
8) Fernando Monje (Espanha), a 25s750;
9) Sam Dejonghe (Bélgica), a 27s126;
10) Matteo Davenia (Itália), a 29s606.

FJPB9

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=1055

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com