MotoGP: Marquez vence na Tailândia e é hexacampeão

Tudo que se esperava do espanhol Marc Marquez aconteceu, de uma queda horrorosa à uma vitória deslumbrante, que garantiu seu sexto título na classe rainha (e oitavo na Motovelocidade) com quatro corridas de antecipação.

Esta foi a nona vitória de Marquez só nesta temporada (60% de aproveitamento) e seu 14º pódio (93,3% de aproveitamento). Na categoria ele já acumula 53 vitórias, desde 2013, e nesse tempo foi campeão em todas as temporadas, exceto a de 2015.

A vitória veio suada e, como nas últimas corridas, só foi resolvida na última volta, numa sensacional disputa contra, novamente, Fabio Quartararo. A diferença na linha de chegada foi de míseros 0,171s.

O pódio tailandês foi completado por Maverick Vinhales, que chegou próximo dos dois ponteiros: à 1,380s.

Depois cruzaram a linha de chegada Andrea Dovizioso, Alex Rins, Franco Morbidelli, Joan Mir e Valentino Rossi, assim completando o Top 8 da corrida.

Jorge Lorenzo, ainda se recuperando de um grande acidente, só conseguiu terminar na 18ª colocação.

Marquez também foi o autor da volta mais rápida, completada em 1min30,904s à uma velocidade de 180,3 km/h.

No campeonato de pilotos a briga agora se concentra na disputa do vice-campeão e do terceiro colocado. O piloto com mais chances de levar o vice-campeonato é o italiano Dovizioso, pois tem 48 pontos de vantagem sobre o espanhol Rins. Mas a disputa pelo terceiro lugar está entre três pilotos, já que Vinhales e Danilo Petrucci estão muito próximos (4 e 5 pontos de diferença) faltando ainda mais quatro etapas para finalizar a temporada.

No campeonato de equipes a disputa está entre as três grandes, mas a Honda é apenas a terceira, mas está a 1 ponto da Yamaha, e à 22 pontos da Ducati. A Honda viveu uma etapa ruim para ela, já que basicamente apenas Marquez apareceu nas primeiras posições, seja no classificatório, quando apenas Marquez esteve entre os Top 10, seja na corrida, onde ainda contou com Takaaki Nakagami, mas apenas em décimo.

Veja o Resultado Completo deste GP
Saiba como ficou o Campeonato de Pilotos
Reveja as provas já disputadas e os Pódios e Pole de cada
Confira as Estatísticas dos Pilotos nesta Temporada
Confira o Resumo dos Resultados das Equipes até agora

# Piloto (Nac)MotoEquipePontos
Marc Marquez (ESP)HondaRepsol Honda Team25
Fabio Quartararo (FRA)YamahaYamaha SRT20
Maverick Vinhales (ESP)YamahaYamaha MotoGP16
Andrea Dovizioso (ITA)DucatiMission Ducati13
Alex Rins (ESP)SuzukiTeam Suzuki Ecstar11
Franco Morbidelli (ITA)YamahaYamaha SRT10
Joan Mir (ESP)SuzukiTeam Suzuki Ecstar9
Valentino Rossi (ITA)YamahaYamaha MotoGP8
Danilo Petrucci (ITA)DucatiMission Ducati7
10ºTakaaki Nakagami (JAP)HondaLCR Honda6

— Como foi a classificação —

A pole para o GP da Tailândia ficou com Fabio Quartararo piloto da Yamaha SRT. Foi uma renhida batalha tripla em busca da pole no circuito de Buriram, que teve várias quedas, sendo a de Marc Marquez a mais perigosa.

A Honda de Marquez ficou totalmente destruída no pavoroso acidente, com o espanhol sendo levado ao hospital, depois de ter ficado alguns segundos sem conseguir respirar, depois de cair ao solo com uma aceleração de mais de 26G. Se não fosse pela nova roupa inteligente com airbag , o resultado seria pavoroso.

Marquez acabou liberado do hospital e voltou para a classificação, onde assegurou a terceira posição do grid. Entre Quartararo e Marquez ficou outro espanhol, Maverick Vinhales, da Yamaha MotoGP.

Outros dois pilotos de ponta também sofreram quedas – todas na mesma Curva 5, que os pilotos consideraram muito perigosa: Valentino Rossi e o próprio pole, Quartararo.

Da segunda fila vão largar, na madrugada deste domingo, Franco Morbidelli (com Yamaha SRT), Danilo Petrucci (Mission Ducati) e Jack Miller (Pramac Ducati). Valentino Rossi (Yamaha MotoGP) fecha a terceira fila, atrás de Andrea Dovizioso (Mission Ducati) e Joan Mir (Suzuki Ecstar). Alex Rins fecha o Top 10 com sua Suzuki Ecstar.

Jorge Lorenzo continua amargando péssimos resultados, e deixou sua Honda de fábrica apenas na 19ª posição do grid, enquanto Mika Kallio, substituto do demitido Johann Zarco na KTM Factory.

Veja o Grid Completo deste GP
Saiba como está o Campeonato de Pilotos
Reveja as provas já disputadas e os Pódios e Pole de cada
Confira as Estatísticas dos Pilotos nesta Temporada
Confira o Resumo dos Resultados das Equipes até agora

» Veja abaixo os melhores no grid de largada (Q2):

# Piloto (Nac)MotoEquipe
Fabio Quartararo (FRA)YamahaYamaha SRT
Maverick Vinhales (ESP)YamahaYamaha MotoGP
Marc Marquez (ESP)HondaRepsol Honda Team
Franco Morbidelli (ITA)YamahaYamaha SRT
Danilo Petrucci (ITA)DucatiMission Ducati
Jack Miller (AUS)DucatiAlma Pramac Racing
Andrea Dovizioso (ITA)DucatiMission Ducati
Joan Mir (ESP)SuzukiTeam Suzuki Ecstar
Valentino Rossi (ITA)YamahaYamaha MotoGP
10ºAlex Rins (ESP)SuzukiTeam Suzuki Ecstar
11ºPol Espargaró (ESP)KTMRed Bull KTM Factory
12ºAleix Espargaró (ESP)ApriliaTeam Gresini

— Tailândia pode decidir o título

Neste final de semana a MotoGP vai realizar sua 15ª etapa da temporada 2019 na Tailândia, e embora a vantagem de Marc Marquez seja bastante ampla, no momento ele tem vantagem de 98 pontos, o título de campeão só sairá se Marquez vencer.

Nessa situação, e faltando ainda outras quatro etapas, não haverá chance para Andrea Dovizioso, que é o vice-líder isolado, levar o título, mesmo que ele vença as demais etapas.

Mesmo sem uma vitória do espanhol na Tailândia – onde venceu no ano passado, quando o país entrou para o calendário da MotoGP – o título ainda poderá ser encaminhado quase em definitivo, se Dovizioso não vencer essa corrida.

Nesta situação, nem se ele vencer as demais provas, Marquez perderia o título se chegar em 11º em duas corridas e em 10º nas demais.

Mas se Dovizioso vencer esta e as demais – situação não muito provável, já que o italiano só venceu duas vezes em 2019 – a Marquez bastariam dois 10ºs e três 11º lugares para confirmar o hexacampeonato.

Tudo conspira para que mais um campeonato de Marquez aconteça, e logo!.

Por outro lado, Dovizioso não pode se descuidar muito com relação aos seus mais próximos oponentes. Para ele garantir o vice-campeonato, sem ter que se preocupar com os resultados de Alex Rins ou Danilo Petrucci, precisará subir ao pódio em todas as etapas.

» Veja abaixo a situação do Campeonato de Pilotos:

#PilotoPontos
Marc Marquez (ESP)300
Andrea Dovizioso (ITA)202
Alex Rins (ESP)156
Danilo Petrucci (ITA)155
Maverick Vinhales (ESP)147
FJPB479

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=10631

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com