Stock Car: Camilo vence em Interlagos; Serra é o campeão

A vitória na grande final da Stock Car em Interlagos ficou com Thiago Camilo, mas quem mais comemorou foi Daniel Serra, que se tornou campeão ao chegar no segundo lugar da prova.

Camilo fez a maior campanha da temporada 2019 – 6 vitórias, 7 pódios, 6 poles e 3 voltas mais rápidas, mas Serra foi muito mais constante e levou a taça depois de uma única vitória, mas com 9 pódios e 3 voltas mais rápidas. A diferença nos pontos ficou em 21 pontos entre os dois, o que demonstra claramente que a consistência é a melhor aposta nas etapas duplas.

Serra, com os títulos conquistados em 2017, 2018 e 2019, igualou os três campeonatos que seu pai, Chico Serra, também tinha conquistado, também consecutivamente entre 1999 e 2001.

O pódio em Interlagos foi completado por Marcos Gomes, que largou da pole. Em seguida cruzaram a linha de chegada, Gabriel Casagrande, Diego Nunes, Felipe Fraga, Ricardo Maurício, Rubens Barrichello e Julio Campos, com Galid Osman completando o Top 10 da prova.

Veja o Resultado Completo da Corrida
Confira como terminou o Campeonato de Pilotos
Reveja as provas disputadas com Pódio e Pole de cada uma
Confira as Estatísticas dos Pilotos
Confira o Resumo dos Resultados das Equipes

» Veja os melhores na corrida final:

#PilotoEquipePontos
Thiago CamiloA Mattheis60
Daniel SerraRC Eurofarma52
Marcos GomesKTF Sports44
Gabriel CasagrandeCrown Racing38
Diego NunesKTF Sports34
Felipe FragaCimed Racing30
Ricardo MaurícioRC Eurofarma28
Rubens BarrichelloFull Time26
Julio CamposRX Mattheis24
10ºGalid OsmanShell Full Time22

Marcos Gomes fica com a pole

Nenhum dos seis postulantes ao título da Stock Car 2019 conseguiu a pole, que ficou com Marcos Gomes, que chegou à sua segunda pole da temporada, e a 11ª desde a temporada de 2012.

Mas três dos pilotos que disputam o título conseguiram chegar até o Q3, e tem aumentadas suas chances do título. Thiago Camilo larga ao lado de Gomes na primeira fila, com Felipe Fraga abrindo a segunda fila. Julio Campos fecha a terceira fila do grid da prova deste domingo, a ser iniciada às 10:10h e com TV.

Os outros três ficaram pelo Q2. Daniel Serra larga da sétima posição do grid, três à frente de Rubens Barrichello, que viu Ricardo Maurício ficar outras três posições atrás.

Se Camilo fizer uma boa estratégia de pit-stop e se afastar das batidas que fatalmente acontecerão, terá tudo para fazer valer suas maiores convertendo-as num título inédito.

Veja o Grid Completo da Corrida
Confira como está o Campeonato de Pilotos
Reveja as provas já disputadas com Pódio e Pole de cada uma
Confira as Estatísticas dos Pilotos
Confira o Resumo dos Resultados das Equipes

» Veja os melhores no grid da prova:

# PilotoEquipe
Marcos GomesKTF Sports
Thiago CamiloA Mattheis
Felipe FragaCimed Racing
Diego NunesKTF Sports
Denis NavarroCavaleiro Sports
Julio CamposRX Mattheis
Daniel SerraRC Eurofarma
Gabriel CasagrandeCrown Racing
Nelson Piquet JrFull Time
10ºRubens BarrichelloFull Time
11ºLucas ForestiVogel Motorsport
12ºMarcel ColettaCrown Racing
13ºRicardo MaurícioRC Eurofarma

Stock Car da bagunça: Maurício ganha recurso, mas depois perde de novo

Nesta quarta-feira o STJD julgando um recurso da procuradoria reverteu a decisão anterior, e voltou a considerar correta a desclassificação de Ricardo Maurício.

Na semana passada a decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) tinha sido em favor do recurso impetrado por Maurício, e que alterou toda a pontuação dos pilotos no Campeonato da Stock Car.

Agora a equipe RC Eurofarma quer levar a “parva brincadeira” para a justiça comum. É o Samba-do-Crioulo-Doido do desporto nacional, com as regras abestalhadas da CBA, e a intromissão de todos usando recursos e contra-recursos para resolver tudo por estas bandas.

A CBA, que havia imposto a desclassificação ao piloto na prova #2 em Goiânia – por causa de falha nas lanternas traseiras do carro da RC Eurofarma – , podia recorrer da decisão, como acabou fazendo. Como a decisão em Interlagos será no dia 15 de dezembro, a nova reviravolta aconteceu na véspera da decisão.

» Confira como ficaram as chances de cada piloto nos Infográficos abaixo (depois do recurso final, e após o recurso inicial):

Lembrando que a pontuação da grande final da Stock Car é dobrada, em relação à pontuação das provas #1 da categoria.

Cenários para o Campeonato

Caso se confirme a perda de pontos de Maurício

Para o líder do campeonato, Daniel Serra, confirmar o título de campeão ele só precisará chegar na quinta colocação da prova, mesmo que Camilo ou Maurício vençam.

Serra também levará o título na hipótese de Camilo chegar em segundo, se chegar até a nona colocação. Já se Camilo chegar em terceiro, basta Serra chegar em 12º, mesmo que Maurício vença.

Para Camilo ser o novo campeão, ele pode até chegar em segundo, mesmo que Maurício vença, mas Serra tem que chegar no máximo em décimo. Já se Camilo vencer a prova, será campeão se Serra chegar de sexto para trás.

Já para Maurício superar a perda dos pontos e mesmo assim se tornar campeão, precisará vencer e torcer para que Camilo não termine em segundo, e ao mesmo tempo Serra não for melhor que 13º.

Já para Barrichello ou Campos ou Fraga levar a taça, precisam da vitória e torcer para Serra ser no máximo 17º colocado, Camilo no máximo quinto e Maurício no máximo terceiro.

Caso se confirme a vitória de Maurício

Para o líder da temporada, Daniel Serra, confirmar o título de campeão bastará subir ao pódio, não precisando nem vencer nem ser o segundo colocado. Assim nenhum dos oponentes conseguirá alcançá-lo.

Se Maurício ficar em segundo na prova, Serra poderá chegar até em quarto lugar para se tornar campeão.

Já se Thiago Camilo vencer e Mauríco chegar no máximo em terceiro, Serra se sagrará campeão se chegar pelo menos em quinto lugar.

Já se um dos três piores classificados para a disputa – Rubens Barrichello, Julio Campos ou Felipe Fraga – vencer a corrida, com Maurício no máximo em P8 e Camilo no máximo em P5, Serra será campeão mesmo que chegue apenas em P16.

De qualquer sorte, apenas os três primeiros na tabela de pontos de 2019 tem mais de 60% de levar a taça. Os demais tem chances apenas matemáticas e os cenários para eles não são favoráveis.

FJPB321

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=11642

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com