F-1 na Bélgica: Hamilton vence em novo 1-2 da Mercedes

Mais uma dobradinha da Mercedes, agora no GP da Bélgica, que foi vencido por Lewis Hamilton, com muita tranquilidade, chegando 8,448s à frente de Valtteri Bottas.

Outro frequentador constante do pódio, Max Verstappen, levou sua Red Bull para o sexto pódio, seu e da equipe, nesta temporada.

Daniel Ricciardo e seu companheiro de Renault, Esteban Ocon, chegaram na quarta e na quinta colocações da prova. Ricciardo foi além, e conquistou o ponto extra pela melhor volta da corrida, completada em 1min07,483s à uma velocidade de 234,590 km/h na média.

Estes resultados deixaram a Renault com o melhor resultado de sua dupla de pilotos na história da categoria.

Bom resultado também obteve o piloto da AlphaTauri Pierre Gasly, que terminou na oitava colocação, superando as Racing Point de Lance Stroll e Sergio Perez, respectivamente nono é décimo colocados.

O que parecia ruim, com nenhuma Ferrari alcançando o Q3 no sábado, foi confirmado com os resultados de seus pilotos na corrida. Sebastian Vettel foi somente o 13º colocado, enquanto Charles Leclerc foi o 14º. Foram as mesmas posições do classificatório de sábado, apenas invertendo a ordem dos pilotos.

Veja o Grid e o Resultado Completo do GP
Veja o Histórico Completo deste Circuito
Veja um Resumo de como ficou a Temporada da F-1
Veja como ficou o Campeonato de Construtores
Veja como ficou o Campeonato de Pilotos
Veja os Resultados dos Pilotos nesta Temporada
Veja como ficou a Batalha entre Companheiros de Equipe

» Confira os melhores classificados na prova:

#PilotoEquipeMotorTempo
Lewis HamiltonMercedesMercedes44 voltas
Valtteri BottasMercedesMercedes+8,448s
Max VerstappenRedBullHonda+15,455s
Daniel RicciardoRenaultRenault+18,877s
Esteban OconRenaultRenault+40,650s
Alexander AlbonRedBullHonda+42,712s
Lando NorrisMcLarenRenault+43,774s
Pierre GaslyAlphaTauriHonda+47,371s
Lance StrollRacing PointMercedes+52,603s
10ºSergio PerezRacing PointMercedes+53,179s

Hamilton fica com a pole em novo 1-2 da Mercedes

Lewis Hamilton liderou mais um 1-2 da Mercedes na temporada, a sexta dobradinha em sete corridas. Valtteri Bottas foi 0,511s mais lento, um banho do inglês. A volta de Hamilton – completada em 1min41,252s – bateu o recorde de pole anterior deste circuito.

Max Verstappen fez uma volta quase igual a de Bottas, mas acabou 0,015s mais lento que o finlandês, assim ele abrirá a segunda fila do grid, tendo ao seu lado um surpreendente Daniel Ricciardo, com a sua Renault.

Na terceira fila mais uma dupla Red Bull e Renault, agora com Alexander Albon à frente de Esteban Ocon.

As duas Mclaren envolveram as duas Racing Point, com Carlos Sainz à frente de Sergio Perez e Lance Stroll, com Lando Norris completando o Top 10 do Q3.

E as Ferraris? Não esquecemos não, é que a equipe decepcionou com seus carros lentos nas retas de Spa-Francorchamps. Cherles e Leclerc e Sebastian Vettel vão dividir, nessa ordem, a sétima fila do grid.

Só para recordar, faziam seis anos que a Ferrari não ficava sem colocar seus dois carros no Q3. Na corrida de Silverstone de 2014, a Ferrari nem passou para o Q2, com seus pilotos conseguindo apenas um 19º e um 20º lugar no grid.

E só para constar, nenhum carro com motor Ferrari está entre os que foram para o Q3. Depois das Ferraris, o primeiro com motor Ferrari foi a Alfa Romeo de Kimi Raikkonen, em 16º, que nem passou para o Q2.

» Confira os melhores no grid da prova:

#PilotoNac.EquipeMotorTempo
Lewis HamiltonINGMercedesMercedes101,252s
Valtteri BottasFINMercedesMercedes101,763s
Max VerstappenHOLRedBullHonda101,778s
Daniel RicciardoAUSRenaultRenault102,061s
Alexander AlbonTAIRedBullHonda102,264s
Esteban OconFRARenaultRenault102,396s
Carlos Sainz JrESPMcLarenRenault102,438s
Sergio PerezMEXRacing PointMercedes102,532s
Lance StrollCANRacing PointMercedes102,603s
10ºLando NorrisINGMcLarenRenault102,657s

Verstappen lidera na sexta-feira

Se as Mercedes lideraram o TL1 para o GP da Bélgica da Fórmula 1 com Valtteri Bottas à frente, no TL2 Max Verstappen é quem liderou deixando Daniel Ricciardo 0,048s para trás.

A primeira Mercedes foi a Lewis Hamilton, que ficou 0,096s do tempo da melhor volta de Verstappen. Bottas ficou com o sexto tempo apenas, atrás de Alexander Albon e Sergio Perez.

As Ferrari, com problemas de desempenho de seus motor, tiveram uma sexta-feira para esquecer, ficando em 15º, com Charles Leclerc, e em 17º, com Sebastien Vettel. Até mesmo as AlphaTauri e as Alfa Romeo foram melhores.

Mas a Haas continua sendo a pior equipe do grid, ficando com as duas últimas posições no TL2.

» Confira os melhores tempos do TL2:

#PilotoCarroTempos
1Max VerstappenRed Bull/Honda1m43.744s
2Daniel RicciardoRenault0.048s
3Lewis HamiltonMercedes0.096s
4Alexander AlbonRed Bull/Honda0.390s
5Sergio PerezRacing Point/Mercedes0.393s
6Valtteri BottasMercedes0.418s
7Lando NorrisMcLaren/Renault0.424s
8Esteban OconRenault0.464s
9Carlos Sainz Jr.McLaren/Renault0.730s
10Pierre GaslyAlphaTauri/Honda0.856s
1.071.768FJPB1.1.176

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=14731

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com