F1 no Bahrain: Hamilton vence num dia que poderia ter havido uma tragédia

A corrida da Fórmula 1 neste domingo, no Bahrain, poderia ter virado uma enorme tragédia, o que teria empanado a conquista da 95ª vitória de Lewis Hamilton na categoria.

Um pavoroso acidente, logo após a terceira curva, ainda na volta inicial da corrida, que foi causado por um fortíssimo acidente do carro da Haas de Romain Grosjean, contra o guard-rail, e que causou a imediata quebra de seu carro em dois, seguido imediatamente de um terrível incêndio, depois do tanque de combustível de seu carro ter explodido, poderia ter causado uma tragédia na F1.

Mas Grosjean foi salvo por seu hallo e pela segurança da célula de sobrevivência de seu carro ter aguentado o choque quase frontal de seu carro, que permitiram que ele não desmaiasse e conseguisse sair por si só do inferno em que ficou por quase 30 segundos, aparentemente apenas com queimaduras nas mãos e pernas. Em seguida ele foi transportado de helicóptero para um hospital, para maiores checagens.

Quando a corrida recomeçou, quase 1:28h após o acidente, novo acidente, desta vez com o capotamento do carro de Lance Stroll, atingido pelo carro de Daniil Kvyat. Este novo acidente não causou nenhum ferimento ao canadense.

Depois de todas essas emoções, a corrida novamente recomeçou e transcorreu de forma praticamente normal, com Lewis Hamilton chegando à sua 95ª vitória na categoria, sendo seguido pelas duas Red Bull, com Max Verstappen à frente de Alexander Albon.

As duas McLarens vieram em seguida, com Lando Norris em quarto e Carlos Sainz Jr em quinto. Com esse resultado a McLaren assumiu a terceira colocação do Campeonato de Construtores, superando a Racing Point que não pontuou, ao ter também o abandono do carro de Sergio Perez, que teve quebra de motor à quatro voltas do final da prova.

Agora a Racing Point deve tomar cuidado para não ser também superada pela Renault, que saiu do Bahrain com mais oito pontos, depois do sétimo lugar de Daniel Ricciardo e o nono de Esteban Ocon.

Já a Ferrari salvou um pontinho, com o 10º lugar de Charles Leclerc, com Sebastian Vettel tendo que se contentar com um 13º na corrida.

Veja o Grid e o Resultado Completo do GP
Veja o Histórico Completo deste Circuito
Veja um Resumo de como ficou a Temporada da F-1
Veja como ficou o Campeonato de Construtores
Veja como ficou o Campeonato de Pilotos
Veja os Resultados dos Pilotos nesta Temporada
Veja como ficou a Batalha entre Companheiros de Equipe

» Confira os melhores classificados na prova:

#PilotoNac.EquipeTempo
Lewis HamiltonINGMercedes57 voltas
Max VerstappenHOLRed Bull+1,254s
Alexander AlbonTAIRed Bull+8,005s
Lando NorrisINGMcLaren+11,337s
Carlos Sainz JrESPMcLaren+11,787s
Pierre GaslyFRAAlphaTauri+11,942s
Daniel RicciardoAUSRenault+19,368s
Valtteri BottasFINMercedes+19,680s
Esteban OconFRARenault+22,803s
10ºCharles LeclercMONFerrari-1 volta

Hamilton faz sua 98ª pole, em novo 1-2 da Mercedes

Novidade na classificação para o GP do Bahrain não teve: novamente as Mercedes dominaram o classificatório, em novo 1-2 da equipe e Lewis Hamilton fazendo a 98ª pole.

Valtteri Bottas ficou a 0,289s do inglês mas com 0,125s de vantagem para Max Verstappen, que fará dupla com o companheiro da Red Bull na segunda fila do grid, 0,596s à frente no tempo.

A Racing Point de Sergio Perez se colocou à frente das Renault, capitaneadas novamente por Daniel Ricciardo que superou Esteban Ocon por meros 0,002s.

As Ferraris continuam a decepção de 2020, e os dois pilotos ficaram pelo Q2, com Sebastian Vettel em 11º, uma posição à frente de Charles Leclerc. Esta foi a quarta vez que nenhuma Ferrari passou para o Q3 nesta triste temporada.

» Confira os melhores no grid da prova:

#PilotoNac.EquipeTempo
Lewis HamiltonINGMercedes87,264s
Valtteri BottasFINMercedes87,553s
Max VerstappenHOLRed Bull87,678s
Alexander AlbonTAIRed Bull88,274s
Sergio PerezMEXRacing Point88,322s
Daniel RicciardoAUSRenault88,417s
Esteban OconFRARenault88,419s
Pierre GaslyFRAAlphaTauri88,448s
Lando NorrisINGMcLaren88,542s
10ºDaniil KvyatRUSAlphaTauri88,618s

Hamilton lidera na sexta-feira

Com a Fórmula 1 rumando para sua antepenúltima etapa neste fim de semana, e usando o traçado original do circuito de Sakhir no Bahrain, Lewis Hamilton liderou os treinos livres.

No TL2, disputado no horário vespertino/noturno, quem assumiu a segunda melhor volta foi Max Verstappen, que se meteu entre os dois carros da Mercedes com sua Red Bull. A diferença entre os ponteiros ficou em 0,347s.

Sergio Perez ficou com a quarta melhor volta, à frente de Daniel Ricciardo, Pierre Gasly, Lando Norris e Lance Stroll.

As Ferraris ficaram depois do meio do pelotão, com Sebastian Vettel ficando com o 12º tempo e Charles Leclerc com o 14º.

O TL 2 teve duas bandeiras vermelhas, a primeira com a forte batida de Alexander Albon, que destruiu sua Red Bull contra o muro – o que não o ajuda em nada em sua luta para permanecer na equipe em 2021. A segunda vermelha foi causada pela invasão da pista por um cachorro, que assim como surgiu, desapareceu.

Com o título já decidido, a disputa nestas últimas três corridas se reduzirá à saber quem vai conseguir o vice-campeonato, e quem vai ter que se contentar com o terceiro lugar. A vantagem é toda de Bottas, que tem 27 pontos de vantagem. E se do finlandês vencer e Verstappen não conseguir mais que dois pontos, já estará tudo decidido e com duas corridas de antecipação.

» Confira os melhores no TL2:

#PilotoCarroTempo
1Lewis HamiltonMercedes1m28.971s
2Max VerstappenRed Bull/Honda0.347s
3Valtteri BottasMercedes0.365s
4Sergio PerezRacing Point/Mercedes0.432s
5Daniel RicciardoRenault0.491s
6Pierre GaslyAlphaTauri/Honda0.580s
7Lando NorrisMcLaren/Renault0.870s
8Lance StrollRacing Point/Mercedes0.900s
9Daniil KvyatAlphaTauri/Honda0.929s
10Alexander AlbonRed Bull/Honda1.043s
479.004FJPB1.175.1

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=15948

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com