MotoGP na Malásia: Vinhales vence com categoria

Maverick Vinhales venceu a penúltima etapa da MotoGP em 2019, disputada na madrugada deste domingo no circuito malaio de Sepang, sem nunca perder a liderança. O espanhol chegou à sua segunda vitória na temporada, e é o autor das únicas vitórias da Yamaha MotoGP também. Esta foi sua sétima vitória na classe rainha.

Marc Marquez se recuperou de forma fantástica de sua posição de largada – 11º devido à uma fortíssima queda no classificatório – mesmo assim não conseguiu chegar em Maverick, que terminou 3,059s à sua frente.

O pódio malaio foi completado por Andrea Dovizioso, que cruzou a linha de chegada 5,611s atrás de Vinhales e 0,854s à frente de Valentino Rossi. A Suzuki de Alex Rins chegou na quinta colocação da prova, sendo seguida por Franco Morbidelli e Fabio Quartararo, pilotos que largaram da primeira fila do grid mas que tiveram uma péssima largada.

A melhor volta desta corrida ficou com Valentino, completada em 1min59,661s à uma velocidade de 166,7 km/h.

Com o campeão e o vice-campeão já decididos, esta etapa era crucial para as pretensões dos quatro pilotos que disputavam o terceiro lugar no Campeonato de Pilotos, mas os resultados muito abaixo do necessário obtidos por Petrucci e Quartararo, acabaram com suas pretensões, sobrando apenas Vinhales e Rins – separados por 7 pontos – para definir a posição na última etapa, em Valência.

Veja o Resultado Completo do GP da Malásia
Saiba como ficou o Campeonato de Pilotos
Reveja as provas já disputadas e os Pódios e Pole de cada
Confira as Estatísticas dos Pilotos nesta Temporada
Confira o Resumo dos Resultados das Equipes até agora

» Veja abaixo os melhores classificados na prova:

 Prova Piloto (Nac)MotoPon
tos
Maverick Vinhales (ESP)Yamaha25
Marc Marquez (ESP)Honda20
Andrea Dovizioso (ITA)Ducati16
Valentino Rossi (ITA)Yamaha13
Alex Rins (ESP)Suzuki11
Franco Morbidelli (ITA)Yamaha10
Fabio Quartararo (FRA)Yamaha9
Jack Miller (AUS)Ducati8
Danilo Petrucci (ITA)Ducati7
10ºJoan Mir (ESP)Suzuki6

Quartararo fica com a pole

Num classificatório que viu um enorme acidente com o campeão Marc Marquez, ficou com Fabio Quartararo a pole para o penúltimo GP da temporada 2019 da MotoGP.

O tempo de volta do francês, que disputa o terceiro lugar no Campeonato de Pilotos – e tem uma desvantagem de 20 pontos para o espanhol Alex Rins -, foi de 1min58,303s à uma velocidade de 168,6 km/h.

Maverick Vinhales foi outro com Yamaha a assegurar a primeira fila, sendo apenas 0,103s mais lento que Quartararo, e míseros 0,026s mais rápido que a terceira Yamaha na primeira fila, a de Franco Morbidelli.

A outra Yamaha, a de Valentino Rossi, vai largar da sexta posição do grid, atrás de Jack Miller e Cal Crutchlow.

Marc Marquez, vai largar apenas de 11º, sua pior posição de largada no ano, quando largou 15 vezes da primeira fila e as outras duas da segunda fila do grid da classe rainha. Mas os médicos deram o Ok para o espanhol disputar a corrida na madrugada deste domingo.

Seu companheiro na Repsol Honda Team, o também espanhol Jorge Lorenzo, continua amargando um fim de carreira tenebroso, assegurando apenas um horroroso 18º no grid.

Com os títulos de campeão (Marc Marquez) e vice-campeão (Andrea Dovizioso) já decididos, a única disputa é pela terceira colocação, mas essa disputa não tem como ser decidida agora.

Sobrou então para a etapa final em Valência a decisão do terceiro colocado no Campeonato de Pilotos. A disputa estará acirrada pois há quatro pilotos nessa briga. O favorito é Alex Rins, mas Vinhales, Petrucci e Quartararo estão bem próximos, tanto que a diferença entre os quatro é de 20 pontos.

Mas mesmo o preferido, Rins, precisa de bons resultados para confirmar-se como o terceiro melhor piloto do ano. Veja as hipóteses mais viáveis abaixo:

  1. Rins será campeão se vencer uma das provas e ser P2 na outra – nessa situação não depende dos resultados dos demais
  2. Rins também será campeão, mesmo fazendo apenas dois quartos lugares – mas apenas se seus oponentes não vencerem, se Vinhales chegar no máximo em P3 nas duas etapas, e se os demais chegarem no máximo em P2 nas etapas
  3. Vinhales será campeão se vencer as duas provas – nessa situação não depende dos resultados dos demais
  4. Vinhales também será campeão se conseguir dois P2 – mas se Rins chegar em P3 ou pior nas corridas; e se Petrucci não vencer ambas corridas
  5. Petrucci será campeão se vencer as duas corridas – mas só se Rins chegar no máximo em P3 e Vinhales no máximo em P2 (nas duas provas)
  6. Quartararo será campeão se vencer as duas provas – mas só se Rins chegar em P4 ou pior e Vinhales chegar em P3 ou pior (nas duas provas)

Veja o Grid Completo deste GP
Saiba como está o Campeonato de Pilotos
Reveja as provas já disputadas e os Pódios e Pole de cada
Confira as Estatísticas dos Pilotos nesta Temporada
Confira o Resumo dos Resultados das Equipes até agora

» Veja os tempos do Q2 em Sepang:

# Piloto (Nac)MotoEquipe
Fabio Quartararo (FRA)YamahaYamaha SRT
Maverick Vinhales (ESP)YamahaYamaha MotoGP
Franco Morbidelli (ITA)YamahaYamaha SRT
Jack Miller (AUS)DucatiAlma Pramac Racing
Cal Crutchlow (ING)HondaLCR Honda
Valentino Rossi (ITA)YamahaYamaha MotoGP
Alex Rins (ESP)SuzukiTeam Suzuki Ecstar
Danilo Petrucci (ITA)DucatiMission Ducati
Johann Zarco (FRA)HondaLCR Honda
10ºAndrea Dovizioso (ITA)DucatiMission Ducati
11ºMarc Marquez (ESP)HondaRepsol Honda Team
12ºFrancesco Bagnaia (ITA)DucatiAlma Pramac Racing
FJPB144

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=11105

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com