Voltar para Fórmula 1

F1: Recordes que faltam cair

A Fórmula 1, categoria mais importante no mundo inteiro, é um mar de recordes, sendo que nos próximos GPs e nos próximos anos, vários deles devem cair. Alguns deles já caíram nas últimas temporadas.

Vários outros recordes deverão cair na próxima ou nas próximas, mas outros talvez nunca mais caiam. A maioria será quebrada pelo piloto inglês Lewis Hamilton, mas com certeza o holandês Max Verstappen deve bater mais de um deles e neste ano.

Então vamos conhecê-los agora, já com os resultados do GP do Bahrain (em 05/03, última etapa disputada nesta temporada de 2023) computados.

Os recordes que podem ser batidos em 2023 ou 2024

» Maior número de Títulos conquistados
Hoje Schumacher tem 7 títulos conquistados na Fórmula 1, enquanto Hamilton conseguiu igualar essa marca com o seu hepta. Esperávamos que o piloto inglês bateria este recorde em 2021, mas uma decisão controversa da direção de prova na final de 2021 tirou o título das mãos dele. Para 2022, com novas regras para os carros, a Mercedes se perdeu completamente. Com um pouco mais de desenvolvimento do carro da Mercedes provavelmente o inglês ficaria à um passo de um novo recorde ao final de 2023 ou o mais provável de 2024.

» Maior número de Voltas Mais Rápidas
Hoje Schumacher ainda detém um recorde de 77 voltas mais rápidas. Provavelmente Hamilton poderá estar superando-o até o final de 2024, pois já tem 60 em sua conta, que ele alcançou no GP da Hungria de 2022. Se o piloto inglês e a equipe alemã recuperarem seu ritmo anterior, no máximo em 2024 esse recorde poderia cair.

» Maior número de Dobradinhas
Desde 2016, quando a dupla da Mercedes, com Lewis Hamilton e Nico Rosberg, ultrapassou a marca histórica de 24 dobradinhas da Ferrari – com Michael Schumacher e Rubens Barrichello – sua nova dupla desde então, composta por Hamilton e Valtteri Bottas, chegou ao terceiro lugar, ficando a apenas uma dobradinha da Ferrari e a oito de sua dupla anterior. No andar da carruagem nós podíamos antever que esta dupla ultrapassaria a marca da Ferrari ainda nas primeiras corridas de 2021, e que teriam muita chance de chegar ao topo, batendo as 31 de Hamilton e Rosberg antes do final dessa temporada. Entretanto isto não aconteceu em 2021, e em 2022 continuou sendo um ano horrível para a equipe.

» Maior Número de Vitórias numa Única Temporada
Esse recorde anteriormente estava dividido entre dois grandes pilotos, Michael Schumacher que conseguiu 13 vitórias na temporada de 2004, e Sebastian Vettel em 2013. E quando se esperava que Lewis Hamilton pudesse bater esse recorde, depois de ter conseguido “apenas” 11 vitórias (em 2014, 2018, 2019 e 2020), a debacle da Mercedes em 2022 e a supremacia máxima alcançada pela Red Bull com Max Verstappen, o piloto holandês quebrou o recorde anterior e alcançou a marca das 15 vitórias. Se não conseguir repetir o feito em 2023, esse recorde poderá ficar para sempre.

» Recorde de maior número de GPs disputados

Um recorde que já caiu em 2020 está de volta, pois agora Fernando Alonso detém o atual recorde de 359, superando as 352 corridas que Kimi Raikkonen acumulou até o final da temporada de 2021. O espanhol não deverá ser superado tão cedo – Hamilton tem “apenas” 311 corridas e provavelmente não conseguirá tirar a diferença atual, que é de 48 corridas.

E o que poderá nunca mais ser batido

» Maior número de Poles
Nunca é uma palavra difícil, e várias vezes desmentida, mas podemos concordar que deva ser quase impossível que Max Verstappen supere a marca das 103 poles já conquistadas por Hamilton. O holandês hoje acumula 23, portanto ainda faltariam 80 poles para Max superar este recorde.

É uma grande incógnita, mas talvez esse recorde – que ainda está em evolução – permaneça para sempre na história nas mãos do grande piloto inglês.

1.630.325FJPB3.4.040

Link permanente para este artigo: https://www.esportesmotor.com/resultados/formula-1/f1-recordes-que-faltam-cair/