Sordo dominante no Rali da Sardenha

Daniel Sordo dominou completamente o Rali da Sardenha, liderando sempre mas preservando sua liderança no último dia. Foi a segunda vitória consecutiva do espanhol na Sardenha.

Esta foi a terceira vitória de Sordo no Mundial de Rali (WRC), onde corre desde a temporada de 2003, já tendo disputado 159 ralis e vencido 190 especiais, cinco delas neste rali. O espanhol de Torrelavega já subiu 51 vezes ao pódio e acumula 1151 pontos na categoria.

Thierry Neuville, também piloto Hyundai, chegou na segunda colocação, à frente dos dois postulantes ao título de 2020: Sebastien Ogier em terceiro e Elfyn Evans em quarto, ambos pilotos da Toyota.

Este rali teve bons resultados para três pilotos que não são da classe WRC1 (a principal da categoria). Pela WRC3 pontuaram Jari Huttunen e Kajetan Kajetanowicz, respectivamente em oitavo e nono, e Pontus Tidemand, da classe WRC3, que foi o décimo colocado.

Na disputa do título Ogier agora ficou à 14 pontos de distância de Evans, mas com dois ralis até o final da temporada, Ypress (Bélgica) e Monza (Itália), a luta está agora totalmente em aberto. Lembrando que, mesmo com chances mais estreitas, Neuville mostrou serviço neste rali, e também pode brigar pelo título, mesmo estando dez pontos atrás de Ogier.

Veja o Resultado Completo do Rali da Sardenha
Veja um Resumo deste Rali e os Vencedores das Especiais
Veja como ficou o Campeonato de Pilotos
Reveja os Pódios de cada rali já disputado
Confira as Estatísticas dos Pilotos na Temporada
Confira os Resultados das Equipes na Temporada

» Confira os melhores classificados no rali:

#Piloto (Nac)CarroTempoPontos
Daniel Sordo (ESP)Hyundai+0s26
Thierry Neuville (BEL)Hyundai+00:05,1s22
Sebastien Ogier (FRA)Toyota+00:06,1s18
Elfyn Evans (ING)Toyota+01:02,3s14
Teemu Suninen (FIN)Ford+01:33,9s10
Ott Tanak (EST)Hyundai+02:27,5s13
Pierre-Louis Loubet (FRA)Hyundai+04:43,8s6
Jari Huttunen (FIN)Hyundai+08:41,7s4
Kajetan Kajetanowicz (POL)Skoda+10:02,9s2
10ºPontus Tidemand (SUE)Skoda+10:20,9s1

Sordo continua líder na perna 2 do Rali da Sardenha

Daniel Sordo continuou seu caminho em busca de bis na vitória que obteve na edição de 2019 do Rali da Sardenha. Não só isso, mas o espanhol aumentou sua vantagem para 27,4s para o vice-líder, que neste sábado é Sebastien Ogier.

Nesta segunda perna na ilha italiana da Sardenha Ogier venceu quatro das seis especiais programadas, enquanto Sordo venceu mais uma. Ogier tirou cerca de 8 segundos da desvantagem que tinha, mas não deverá conseguir tirar a vitória das mãos de Sordo.

Na verdade a luta de Ogier é contra o líder do Campeonato de Pilotos, seu companheiro na Toyota, Elfyn Evans. Entretanto Evans já está a quase 1 minuto do líder, e Ogier poderá conseguir tirar até dez pontos, o que faria ele encostar em Evans para o Rali de Ypres – na Bégica.

Com a adição inesperada de um oitavo rali no calendário – o Rali de Monza – a situação de Evans começa a ficar perigosa, pois Ogier está encontrando um momento mais forte nos últimos ralis, e poderá superar o piloto inglês, tornando-se heptacampeão.

» Confira os melhores após a 2ª perna:

 #PilotoCarroDiferença
Daniel SordoHyundailíder
Sebastien OgierToyota+00:27,4s
Thierry NeuvilleHyundai+00:28,9s
Elfyn EvansToyota+00:58,4s
Teemu SuninenFord+01:06,9s
Ott TanakHyundai+02:25,3s
Pierre-Louis LoubetHyundai+03:37,0s
Jari HuttunenHyundai+06:58,7s
Kajetan KajetanowiczSkoda+07:09,2s
10ºPontus TidemandSkoda+07:48,1s

Daniel Sordo começa o Rali da Sardenha na liderança

De forma quase surpreendente, o espanhol Daniel Sordo, que só tinha disputado um único rali em 2020 pelo WRC, volta ao Rali da Sardenha e começa na frente a primeira perna.

Num dia que teve vários abandonos, Sordo já conseguiu 17,4s de vantagem sobre Teemu Suninen e 35,2s sobre Thierry Neuville. Mas nenhum deles, incluindo Sordo, que venceu a edição de 2019, está na disputa do título.

Elfyn Evans que lidera o campeonato, vem na quinta colocação, logo atrás de seu único rival ao título, Sebastien Ogier. A diferença entre eles é de quase 16 segundos, que obviamente podem evaporar num furo de pneu ou saída de pista neste sábado e no domingo, quando serão disputadas as outras dez especiais que faltam para fechar o que seria o penúltimo rali da temporada.

Interessante notar que um carro da classe WRC3 está à frente do melhor carro da WRC2. Pilotado por Oliver Solberg, seu Skoda está pouco mais de 6 segundos à frente do Citroen de Yohan Rossel – eles estão, respectivamente, em 10º e 11º lugares.

Pelos resultados que se completaram nesta perna, e se nenhuma catástrofe acontecer, já podemos assegurar que o título vai ficar mesmo para a última etapa.

A segunda perna começará às 02:35h deste sábado (no horário de Brasília).

» Confira os melhores após a 1ª perna:

 #PilotoCarroDiferença
Daniel SordoHyundai+00s
Teemu SuninenFord+00:17,4s
Thierry NeuvilleHyundai+00:35,2s
Sebastien OgierToyota+00:36,0s
Elfyn EvansToyota+00:51,9s
Gus GreensmithFord+01:07,1s
Pierre-Louis LoubetHyundai+01:33,5s
Ott TanakHyundai+01:53,7s
Kalle RovanperaToyota+02:32,3s
10ºOliver SolbergSkoda+03:01,2s

Rali da Sardenha pode decidir o título de 2020

O Rali da Sardenha poderá decidir, com uma etapa de antecipação, o título de campeão desta tumultuada e encurtada temporada de 2020 do WRC, o Mundial de Rali.

Para que isso aconteça o atual líder, Elfyn Evans – o único que venceu mais que um rali em 2020 – terá que pontuar, chegando no mínimo no quarto lugar, além de torcer para que Sebastien Ogier não pontue.

Na verdade bastará a Evans conseguir fazer 12 pontos à mais que Ogier na Sardenha, para o título ser matematicamente seu.

O estreante Kalle Rovanpera tem nove pontos à menos que Ogier, e não tem muitas chances de disputar o título, para o que ele teria que vencer os dois últimos ralis deste ano. Mas o jovem finlandês ainda não venceu, e seu melhor resultado foi um terceiro lugar, no Rali da Suécia.

O histórico do Rali da Sardenha mostra que Ogier já venceu por lá três vezes, embora sua última vitória tenha acontecido há cinco anos atrás. Já Evans nunca venceu, nem mesmo subiu ao pódio, na Sardenha.

Daqueles que ainda estão na ativa, apenas Thierry Neuville (2016 e 2018), Ott Tanak (2017), Daniel Sordo (2019) e Petter Solberg (2004) já venceram nas estradas estreitas e sinuosas da ilha italiana. Sordo que abandonou no México, sua única participação neste ano, volta para tentar sua segunda vitória neste rali. Já Petter Solberg, também volta à ação, mas apenas vai participar deste rali em 2020.

Confira os últimos pódios do Rali da Sardenha:

» 2019: Daniel Sordo / Teemu Suninen / Andreas Mikkelsen
» 2018: Thierry Neuville / Sebastien Ogier / Esapekka Lappi
» 2017: Ott Tanak / Jari-Mati Latvala / Thierry Neuville
» 2016: Thierry Neuville / Jari-Matt Latvala / Sebastien Ogier
» 2015: Sebastien Ogier / Hayden Paddon / Thierry Neuville
» 2014: Sebastien Ogier / Mads Ostberg / Jari-Matti Latvala
» 2013: Sebastien Ogier / Thierry Neuville / Jari-Matti Latvala
» 2012: Mikko Hirvonen / Evgeny Novikov / Ott Tanak
» 2011: Sebastien Loeb / Mikko Hirvonen / Petter Solberg
» 2009: Jari-Matti Latvala / Mikko Hirvonen / Petter Solberg
» 2008: Sebastien Loeb / Mikko Hirvonen / Jari-Matti Latvala
» 2007: Marcus Gronholm / Mikko Hirvonen / Daniel Sordo
» 2006: Sebastien Loeb / Mikko Hirvonen / Daniel Sordo
» 2005: Sebastien Loeb / Petter Solberg / Marcus Gronholm
» 2004: Petter Solberg / Sebastien Loeb / Carlos Sainz

Informações adicionais sobre o Rali da Sardenha 2020:

Distância total: 16 especiais (238,84 km)
Perna #1: 09/10 – 6 especiais – 95,25 km
Perna #2: 10/10 – 6 especiais – 101,69 km
Perna #3: 11/10 – 4 especiais – 41,90 km

728.548FJPB1.183.1

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=15251

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com