Lorenzo fratura vértebra e perde o GP da Holanda

Jorge Lorenzo vai perder a corrida de MotoGP em Assen depois de fraturar uma vértebra numa queda no TL1 desta sexta-feira. O piloto da Honda MotoGP bateu a mão direita na Curva 7, Ruskenhoek, nos últimos cinco minutos do FP1 e rolou várias vezes pelo cascalho. Ele teve que ser ajudado pela equipe do circuito e foi levado ao centro médico, antes de ser transferido para um hospital local para exames.

Reclamando de dores nas costas e no peito, Lorenzo – que ficou de fora na segunda sessão nesta sexta-feira em Assen – foi logo diagnosticado com uma vértebra D6 fraturada e vai ficar de fora até o final da oitava etapa da temporada.

Pior ainda, como o GP da Alemanha já acontece no próximo final de semana, Lorenzo agora enfrenta uma corrida contra o tempo para estar apto para o evento de Sachsenring.

Lorenzo vem sofrendo uma série interminável de contusões nos últimos 10 meses. Primeiro machucou o pé em um acidente no início da corrida do ano passado em Aragón. Ele fraturou o pulso esquerdo em um acidente similar durante os treinos para a corrida da Tailândia, o que o obrigou a perder o restante dos eventos no ano passado.

Lorenzo voltou a fraturar o mesmo pulso em um acidente num treinamento em janeiro, o que o afastou do primeiro teste de pré-temporada em Sepang. Ele também sofreu uma costela quebrada em um acidente pesado durante o FP3 no Qatar.

O momento de Lorenzo não é bom, tanto que não conseguir ficar entre os Top 10 em nenhuma corrida deste ano. Mas Marc Marquez, seu companheiro na Repsol Honda Team, disse que a queda de Lorenzo mostra quão difícil é pilotar a moto deste ano (lembrando que Lorenzo é o 15º, com 19 pontos, enquanto Marquez é o líder, com 140 pontos).

O piloto de testes da Honda, Stefan Bradl, está presente em Assen para exercer funções de comentarista na televisão alemã, e pode ser chamado para substituir Lorenzo para o terceiro treino livre de sábado. O campeão da Moto2 de 2011 completou uma prova curinga para a equipe de testes da HRC no GP da Espanha em Jerez, e conseguiu vencer Lorenzo ao terminar na 10ª posição.

Atualização:
A equipe Honda confirmou que Lorenzo terá que ficar afastado das pistas por 30 dias. Isso significa que o piloto espanhol não vai correr nem em Assen, nem em Sachsenring, na Áustria no próximo dia 7. Seu retorno poderá se dar em Brno, na República Tcheca, agendado para o dia 4 de agosto.

479.001FJPB39.1

Link permanente para este artigo: http://www.esportesmotor.com/?p=9536

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com