Dakar: Os Campeões de 2023

Neste domingo se encerrou a 45ª edição do Rali Dakar e vimos três novos campeões se sagrarem para o mundo dos Rallys Cross-Country. Além desses também tivemos dois bicampeões, e outro pentacampeão.

Confira abaixo todos os detalhes da última especial deste Dakar, que contou com uma reviravolta no caso dos UTVs SSV, depois de uma quebra inesperada de uma peça do líder da categoria.

Confira tudo sobre todas as edições do Rali Dakar desde 2007 clicando aqui!

Carros: pentacampeonato para Nasser Al-Attiyah

Nos Carros já estava praticamente selado quem levaria o Troféu Tuareg deste ano: o qatari Nasser Al-Attiyah começou a diminuir seu ritmo, para evitar algum problema inesperado, mas acabou mantendo-se com vantagem superior aos 80 minutos, primeiro sobre o brasileiro Lucas Moraes, depois para o francês Sebastien Loeb.

Nasser já tinha sido campeão nos Carros em 2011, repetiu a dose em 2015, 2019 e também na edição de 2022. Nasser chegou a reclamar da alteração no BoP (Balance of Performance) após a terceira especial, argumentando que seria apenas para favorecer os carros E-tron da Audi, depois até se desculpou e ganhou vantagem com o abandono dos dois principais pilotos daquela marca.

Nasser terminou esta edição com uma vantagem de 1h20min49s sobre Loeb, que repetiu seus melhores resultados de 2022 e 2017.

Já o brasileiro Lucas fez história como o melhor piloto de Carros num Dakar, um pódio que apenas poucos brasileiros alcançaram antes, e fora da categoria principal, a dos Carros.

Motos: bicampeonato para Kevin Benavides

O piloto argentino fez uma reviravolta completa na especial final deste Dakar, e veio de terceiro para o vencedor na geral, deixando Toby Price e Skyler Howes – os ponteiros de sábado – a ver navios. Price como o vice-campeão e Howes como o terceiro colocado.

Kevin só venceu duas especiais neste Dakar, contra as três que seu irmão Luciano alcançou, mas sua constância permitiu ao argentino repetir o título de 2021, deixando Price em segundo, à 43 segundos de diferença e Howes em terceiro, à 5min04s.

Nas Motos nenhum brasileiro disputou o Rali Dakar 2023.

Trucks: título inédito para Janus van Kasteren

Sem contar com os quase invencíveis pilotos russos, impedidos de participar por punição à federação russa pela guerra da Ucrânia, a categoria dos Trucks ficou praticamente tendo suas especiais vencidas por pilotos tchecos e holandeses.

Mas o título, desde o início da segunda semana do Dakar, já estava nas mãos do holandês Janus, que venceu duas das especiais e nas demais não deixou os vencedores livrarem vantagens mais significativas.

No final o tcheco Martin Macik ficou com a segunda colocação, mas com uma desvantagem que superou os 74 minutos, embora tenha ficado1h26min à frente do holandês Martin van den Brink, o terceiro na geral.

Digno de nota é que, no início deste Dakar, Macik alcançou cinco vitórias, mas foi muito inconstante após isso, deixando a vitória escapar de suas mãos.

Quadris: Alexandre Giroud é bicampeão

O segundo título para o francês veio em sequência ao seu primeiro, conseguido no ano passado. Mas Giroud anteriormente vinha enfrentando problemas até mesmo para completar o Dakar. Por três vezes nem completou, e seu melhor resultado tinha sido um quarto lugar em 2019.

Neste Dakar conseguiu um bom resultado, vencendo com boa margem sobre o argentino Francisco Moreno, que terminou com mais de 43 minutos de desvantagem, mas também com muito mais vantagem para o terceiro, o americano Pablo Copetti.

Nesta categoria o brasileiro começou se destacando bastante, conseguindo fechar a primeira especial em terceiro, mas caiu fortemente na segunda especial e teve novos contratempos na terceira.

Depois veio conseguindo resultados bem constantes, terminando este Dakar com a nona colocação.

UTVs LWP: Austin Jones consegue título inédito

O americano Austin Jones conseguiu uma vitória bem folgada, acima dos 52 minutos, contra o seu compatriota Seth Quintero – o piloto com o maior número de vitórias consecutivas em especiais, com as oito que ele obteve em 2022.

A vitória – e principalmente a grande vantagem que construiu – foi pela constância em todas as especiais, já que ele é um dos pouquíssimos campeões que conseguiram a vitória sem vencer nenhuma especial. Seu maiores oponentes venceram duas vezes (Quintero) ou cinco vezes (o também americano Mitchell Guthrie), que teve muitos problemas e terminou apenas na 23ª colocação entre os Protótipos Leves.

Nessa sub-categoria dos UTVs o terceiro lugar ficou para o belga Guillaume de Mevius, que liderou no início – e por várias especiais manteve-se na liderança da geral – e só venceu a sexta especial.

Os dois brasileiros que disputaram na elite dos UTVs tiveram resultados ruins, fechando o Dakar 2023 em 32º lugar (Pamela Bozzano) e em 34º (seu pai Enio Bozzano Jr).

UTVs SSV: Eryk Goczal consegue título inédito neste Dakar

Dividindo vitórias nas especiais contra seus irmãos, Marek e Michal, o polonês Eryk herdou a vitória e o título após lituano Rokas Baciuska ter uma quebra exatamente na última especial, a deste domingo.

No final o lituano ainda conseguiu assegurar o vice-campeonato, que quase caiu nas mãos de Marek, no que teria sido uma dobradinha dos poloneses num Dakar. Rokas chegou à menos de 2 minutos de vantagem para Marek.

Dos três brasileiros que disputaram esta sub-categoria um teve bom desempenho, finalizando com a sexta colocação na geral – com Bruno Conti de Oliveira.

Os outros dois brasileiros caíram no final, terminando este Dakar em 29º com Rodrigo Luppi de Oliveira e em 32º com Cristiano Batista.


Confira um resumo do Dakar, com o roteiro detalhado desta edição do Dakar,a evolução dos brasileiros, os vencedores de cada especial e em cada categoria, e quem venceu pelo menos duas especiais.

Mais de 110 Estatísticas e Curiosidades das principais categorias dos Esportes a Motor. Clique e confira tudo!

» Confira os Vencedores das Especiais

DiaCarrosMotosTrucks
14Guerlain ChicheritKevin BenavidesVaidotas Paskevivius
13Sebastien LoebKevin BenavidesMartin Macik
12Sebastien LoebCornejo FlorimoJanus van Kasteren
11Sebastien LoebLuciano BenavidesMartin van den Brink
10Sebastien LoebRoss BranchPascal de Baar
09Sebastien LoebLuciano BenavidesJanus van Kasteren
08Sebastien LoebRoss BranchMartin Macik
07Yazeed Al-RajhiJanus van Kasteren
06Nasser Al-AttiyahLuciano BenavidesMitchel van den Brink
05Nasser Al-AttiyahAdrien van BeverenAles Loprais
04Sebastien LoebJoan Barreda BortMartin Macik
03Guerlain ChicheritDaniel SandersMartin Macik
02Nasser Al-AttiyahMason KleinAles Loprais
01Carlos SainzRicky BrabecMartin Macik
PrologoMattias EkstromToby PriceMartin Macik

Tabela #1: Carros, Motos e Trucks


DiaQuadrisLWPSSV
14Laisvydas KanciusCristian Herrero Carlos Sanches
13Marcelo MedeirosMitchell GuthrieEryk Goczal
12Marcelo MedeirosMitchell GuthrieMichal Goczal
11Marcelo MedeirosRicardo PoremRokas Baciuska
10Marcelo MedeirosSeth QuinteroGerard Farres Guell
09Laisvydas KanciusDavid ZilleErik Goczal
08Manuel AndujarJoão FerreiraGonzalez Ferioli
07Mitchell GuthrieRokas Baciuska
06Manuel AndujarGuillaume de MeviusMarek Goczal
05Francisco MorenoSeth QuinteroRokas Baciuska
04Alexandre GiroudMitchell GuthrieEryk Goczal
03Alexandre GiroudAustin JonesCristiano Batista
02Alexandre GiroudMitchell GuthrieMarek Goczal
01Alexandre GiroudLopez ContardoEryk Goczal
PrologoAlexandre GiroudCristina GutierrezRokas Baciuska

Tabela #2: Quadris, Protótipos Leves (LWP) e Derivados de Série (SSV)

1.756.685FJPB1.625

Link permanente para este artigo: https://www.esportesmotor.com/dakar-os-campeoes-de-2023/