Análise de quem entra no Chase da Sprint Cup

Chase do Nascar Sprint Cup

|Nascar Sprint Cup|

Faltando ainda duas provas, Atlanta e Richmond, para se fechar os pilotos que passam para o Chase de 2011, a ser disputado nas dez provas finais da Nascar Sprint Cup, já alguns prováveis candidatos aparecem à luz.

A partir da prova de Bristol, no sábado, quatro pilotos já ficaram garantidos: Kyle Busch, Jimmie Johnson, Matt Kenseth e Carl Edwards. Outro, que pode não entrar nos dez, Kevin Harvick, também está dentro.

Isso porque já venceu três provas em 2011, o que lhe garante o Chase, seja pela 11ª, seja pela 12ª vaga. Assim restam ainda sete vagas a serem preenchidas nas próximas duas etapas.

Brad Keselowski e Denny Hamlin estão em, posição de levar as duas vagas dos chamados wild-cards. Keselowski está na 11ª posição do campeonato por pontos e já conta com três vitórias; já Hamlin é o 13º nos pontos, contando com uma vitória. Ele tem tudo para descartar o 12º colocado, Clint Bowyer, que não venceu nenhuma vez, do Chase.

Seja Harvick ou Jeff Gordon poderão garantir um lugar no Top 10 já em Atlanta se terminarem em 40º lugar nessa prova; ou se terminarem em 41º e liderarem pelo menos uma volta; ou se terminarem em 42º liderarem o maior número de voltas.

Ryan Newman, que está 73 pontos a frente de Keselowski, pode garantir sua vaga no Top 10 com ao menos um 20º lugar em Atlanta; ou 21º e liderar uma volta; ou 22º e liderar maior número de voltas.

Kurt Busch, que tem 60 pontos de vantagem sobre Keselowski, garante sua vaga se for sétimo em Atlanta; ou oitavo e liderar uma volta; ou nono e liderar o maior número de voltas.

Dale Earnhardt Jr, que tem 39 pontos à mais que Keselowski, e Tony Stewart que tem 21 pontos à mais que Keselowski, podem assegurar vagas entre o Top 10 se aumentarem suas vantagens para 49 pontos sobre o 11º colocado. Ambos estão sem vitórias na temporada e correm risco de serem excluídos do Chase se ficarem fora do Top 10.

Keselowski, que deseja os três pontos de bonificação por vitória, que serão dados apenas para quem ficar entre os Top 10, precisa passar Stewart na disputa pelo décimo lugar. Para tal precisa bater Tony Stewart por uma média de 10 posições em cada uma das duas provas que restam, o que o prório Keselowski considera bem difícil.

A tabela abaixo, tirada do site da Nascar, mostra os quinze melhores classificados, e os – atualmente – 12 pilotos que iriam para o Chase, se a prova 26 já tivesse ocorrido:

Pos Piloto Pontos Atrás Poles Vitórias TOP 5
1 Kyle Busch 830 Líder 1 4 13
2 Jimmie Johnson 830 Leader 0 1 10
3 Matt Kenseth 798 -32 1 2 7
4 Carl Edwards 795 -35 2 1 10
5 Kevin Harvick 782 -48 0 3 6
6 Jeff Gordon 782 -48 1 2 8
7 Ryan Newman 762 -68 2 1 8
8 Kurt Busch 749 -81 3 1 5
9 Dale Earnhardt Jr 728 -102 1 0 3
10 Tony Stewart 710 -120 0 0 2
11W1 Brad Keselowski 689 -141 1 3 6
12 Clint Bowyer 688 -142 0 0 3
13W1 Denny Hamlin 672 -158 0 1 4
14 A.J. Allmendinger 664 -166 0 0 1
15 Kasey Kahne 656 -174 1 0 3
1.693.285FJPB1.9

Link permanente para este artigo: https://www.esportesmotor.com/analise-de-quem-entra-no-chase-da-sprint-cup/

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.